Zumbilândia

Antes de começar a falar de Zumbilândia, eu quero deixar uma dica para todos: se alguém que já viu o filme resolver te contar qual é a melhor cena, nocauteie essa pessoa na hora. Você não quer que estraguem a melhor cena. Acredite apenas que é hilária, e que pelo menos no meu caso o cinema inteiro ficou rindo sem parar por mais de dois minutos.

Se você leu minha análise de Left 4 Dead, deve se lembrar que eu disse que filmes e jogos de zumbi raramente têm zumbis assustadores de verdade. Bem, Zumbilândia é um filme que consegue pegar a fórmula inteira e jogar na privada. Os zumbis do filme são assustadores, sim, mas a atmosfera da história é tão hilária que isso quase passa despercebido, e eu não minto quando digo que é provavelmente uma das coisas mais divertidas que assisti nos últimos 5 ou 6 anos.

Se você quer ver filmes para se divertir, essa é a escolha perfeita.

Zumbilândia, assim como qualquer história de zumbis, não precisa de uma grande trama: o mundo está repleto de mortos-vivos e os protagonistas são um bando de sobreviventes lutando para não virar almoço. Assim como nos filmes de catástrofe, qualquer trecho que fale sobre o emocional dos personagens só é feito para que possamos torcer ainda mais para eles, porque isso não tem nenhuma influência na história como um todo. Afinal a história é só sobre acabar com os zumbis antes que eles acabem com os protagonistas.

Os personagens são bem icônicos: o nerd que consegue sobreviver seguindo o tipo de regras de apocalipse zumbi que você encontra em sites de humor na internet, o cara extremamente cool que gosta de matar zumbis da forma mais estilosa possível, a garota independente que faz questão de provar que consegue sobreviver sozinha e ainda assim acaba indo parar no meio de um laço amoroso (uma das partes emocionais inúteis para a história, mas que dão um pouco de personalidade para os protagonistas), e a irmã mais nova da garota independente, que é obrigada a jogar a maior parte da própria infância fora para amadurecer e enfrentar os comedores de cérebros.

Se só tivesse uma mulher no grupo, poderia praticamente ser "Left 4 Dead: O Filme", só que mais engraçado.

Praticamente qualquer clichê imaginável de zumbis aparece nesse filme, como por exemplo os grupos de zumbis agarrados num carro em fuga, hordas gigantescas de mortos-vivos em um parque de diversões, zumbis cercando e tentando derrubar a porta da salinha onde um dos protagonistas está trancado, enquanto este protagonista descarrega centenas de balas nos perseguidores e acaba sobrevivendo, etc.

E não existem zumbis com superpoderes, são todos zumbis comuns.

E ainda assim, Zumbilândia é extremamente divertido. Todas as piadas já são conhecidas, mas é tudo feito de um jeito tão bom e interessante que simplesmente funciona. Eu conseguia prever o final de algumas cenas vários minutos antes dele acontecer, e ainda assim quando acontecia eu morria de dar risada, o que é ao mesmo tempo intrigante e o sinal de que tem algo aqui sendo feito do jeito certo. É como a história do Garrincha no futebol: todo mundo sempre sabia que ele ia levar a bola pra direita ou pra esquerda ou pra onde fosse, mas ainda assim ele conseguia fazer o drible.

"Striiiike!"

O filme é razoavelmente curto, não passando de 80 minutos, mas é o tamanho certo. Provavelmente se fosse mais longo as piadas iam começar a se repetir, e como eu já disse, tudo que é preciso para que o filme fique legal já está lá, como por exemplo uma cena da segunda metade do filme, absurdamente engraçada, a qual como eu já disse, não será revelada aqui de jeito nenhum, para não estragar a surpresa.

Então, basicamente, Zumbilândia é um filme trash. Terrivelmente trash. Mas é tão divertido que realmente vale a pena ver. É claro que não tem nenhuma chance de ganhar um Oscar nem nada do tipo, mas isso é provavelmente porque os caras do Oscar são um bando de aristocratas metidos a besta que acham que filmes bons são os que não são incríveis a ponto de fazer a audiência explodir de alegria.

Frase Final: Esse é um filme que parodia o Apocalipse Zumbi, como diabos não tem nenhuma cena de um zumbi sendo fatiado com uma motosserra?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: