Arquivos do Blog

A Outra Lista: Top 11 Games de 2013

Agora que eu já ganhei a atenção do público com a minha lista de uma mídia que já é amplamente respeitada há anos, é hora de fazer a minha lista sobre uma mídia que os céticos precisam aprender a engolir o orgulho e admitir de uma vez por todas que tem tanto potencial para a arte quanto qualquer outra.

2013 não foi um ano muito bom para os jogos de grandes produtoras, mas assim como 2012, houve um boom na quantidade de jogos indies, o que é mais um indicativo para o meu argumento e um bom sinal de que o mercado está ficando mais variado, com pessoas que têm ideias diferentes e originais conseguindo o acesso às ferramentas para conseguir levar esses projetos para a frente, sem precisar de um orçamento de 300 milhões de dólares ou seja lá quanto for que custa cada Call of Duty. Leia o resto deste post

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: