Arquivos do Blog

Prazos, Trailers Forçados e Outras Coisas

Se você costuma acessar este blog com frequência, já deve saber que prazos não são algo com que eu me relacione bem (comentários sobre eu ainda não ter escrito como foi minha viagem para o Prêmio Escola Voluntária podem muito bem ir se danar, eu estou há meses perseguindo a desgraçada que fugiu com as fotos do evento, e se ela estiver lendo isto que fique claro que eu digo “desgraçada” só pelo humor, porque eu não acho realmente isso, e adoraria conversar amigavelmente, e aproveitar a chance para deixá-la inconsciente, pegar as malditas fotos e sair correndo). Eu costumo começar a escrever uma análise ou um post semanas antes de publicá-lo, porque no meio do processo de escrita eu resolvo procurar material na internet para construir melhor meu comentário, e acabo ficando perdido do mar de informações completamente irrelevantes, mas que são tão legais de se ler que não consigo parar (muito obrigado, TV Tropes).

E por isso, em vez de estudar e fazer redações atrasadas. eu estou aqui, preso na internet de novo, como um daqueles personagens do Farenheit, que era totalmente hipnotizado pela televisão e não conseguia entender que existiam outras coisas a se fazer na vida, como ler bons livros. Só que o problema é que eu também posso ler livros NA internet, o que ferra ainda mais o sistema.

Mas o caso é que eu estou navegando na web enquanto ouço à trilha sonora do Kdabra, e realmente acho que seria interessante falar a respeito do assunto. Se você não sabe, Kdabra é o nome de uma nova série de TV da Fox que tem como protagonista o ator que fazia o Diego no Rebelde (um homônimo do qual eu não tenho absolutamente nenhum orgulho). Mas, se você tem uma TV a cabo, com certeza já sabia disso, porque o que eu quero comentar aqui é como a TV a cabo é praticamente tarada na questão de fazer propaganda de novas séries (não, eu não vou comentar sobre como a série com certeza é podre, porque se você é brasileiro e tem um cérebro totalmente funcional, você sabe que qualquer produção televisiva latino-americana que não seja um telejornal e/ou não seja da TV Cultura e/ou não tenha o Marcelo Tas é obrigatoriamente pútrida). Eu não estou exagerando, o programa só vai estrear nesta semana, mas os trailers já estão passando há mais de 5 meses. Leia o resto deste post

A Lua, os Amigos e a Roça

Ah, eu me lembrei que tenho esse tal de blog que eu devia atualizar com alguma frequência… Qual era o endereço mesmo? Hehehe, brincadeirinha.

Mas então, pessoal: essa semana faz 40 anos que o homem pisou na Lua. Uma data histórica, certamente. Mas histórica também pela criação do Dia do Amigo.

Agora, você deve estar se perguntando: “Mas o Dia do Amigo não é daquela propaganda da Skol?” Não, meu amigo, é bem mais antigo que isso…

O Dia do Amigo foi adotado em Buenos Aires, na Argentina, com o Decreto nº 235/79, sendo que foi gradualmente adotado em outras partes do mundo.

A data foi criada pelo argentino Enrique Ernesto Febbraro. Ele se inspirou na chegada do homem à Lua, em 20 de julho de 1969, considerando a conquista não somente uma vitória científica, como também uma oportunidade de se fazer amigos em outras partes do Universo. Assim, durante um ano, o argentino divulgou o lema “Meu amigo é meu mestre, meu discípulo e meu companheiro”.

Aos poucos a data foi sendo adotada em outros países e hoje, em quase todo o mundo, o dia 20 de julho é o Dia do Amigo, quando as pessoas trocam presentes, se abraçam e declaram sua amizade umas às outras, na teoria.

Então, aproveitando o tema do post, vou falar sobre como foi o fim de semana na roça: ABSOLUTAMENTE DEMAIS!!!

Bem, se eu preciso resumir bem, digamos assim: houve algumas horas de jogos de tabuleiro (onde jogamos Senhor dos Anéis e um jogo de terror/suspense chamado Death Angel), algumas horas de jogos de cartas (onde jogamos A Coisa e Mini-Mau) mais ou menos duas horas de jogos de fala (Não Diga Calças e Quem Sou Eu, um jogo que eu fiz inspirado no Akinator). Depois, também teve algumas horas de pausa para comer, uma hora para desenhar, e uma hora andando de cavalo. Mas a parte que eu mais gostei foi, definitivamente, as inúmeras horas em que eu e meus amigos ficamos conversando sobre assuntos variados, e lembrando músicas de filmes e seriados de televisão antigos.

No geral, um ótimo fim de semana, a ser lembrado por gerações e gerações. Teve uma hora em que nós resolvemos desenhar uns aos outros de armadura. Vou postar aqui os desenhos:

Do Lucas:

OgAAAFTEmeaNe7iR3-bt3Shw6l5u1r5WXq5-HJOiIadOoRajoMbJuwJg2McohlALuCDIytIT5jWSfyAD35E2bQF_O6wAm1T1UEf1eRC_tRlEcGMQB5Dmx_mfnu_J

Do Yuri:

OgAAAMv7khJoJwuKFE9AUhxeXcmucpMcsjuF40_MMICvSxWJ5my_21kvCKMUPZZwpmBJRTJM8J4kOK3OKLQpErXSlewAm1T1UFw-sAJP4hQG1EcNLITMeWXzMYeJ

Meu (eu fiz o desenho rápido, ficou meio rascunhado):

 caderno

O desenho do Danilo ainda não foi escaneado, mas quando for eu atualizo o post.

Por fim, uma foto do grupo:

OgAAAPQzRlMKDGNddTT0CsLqZiUc9eLkSocTMRMfmciq7luzdA-X9S9ckrRUX_QUcqer_kjAWancI8vi2u7loiPss9gAm1T1UMek20vZnbL082Z8U_d_H1vkK9OT

Eu sou o cara no canto esquerdo sorrindo, o Yuri é o de chapéu, o Lucas é o mais à direita, a garota de pé é a irmã do Yuri, a sentada é amiga dela, o cara entre o Lucas e a garota sentada é o Danilo, e o cara ao meu lado que está escondendo o rosto é o Klaus (Klaus, nós te saudamos).

Enfim, novos posts em breve. Até mais!

Wordle

 Tá legal, eu não devia estar postando, tenho uma renca de coisas pra fazer, mas me passaram um link pra um site onde você pode fazer nuvens de palavras: http://www.wordle.net/

Eu achei o máximo, e fiz uma com palavras do blog:

Wordle

Quem clicar na imagem, vai ser redirecionado para a original, mas já vou avisando, como eu fiz com muitas palavras, ficou meio pesado, então se a sua internet é lenta, contente-se com a versão postada no blog.

Ou ainda, podemos ter uma nuvem de tags mais interessante:

Tags

Bem, vou indo. Até sábado! 

7 Substâncias Feitas Pelo Homem Que Riem na Cara da Física

O Lucas me passou o link para esse site, e eu achei muito legal, quem quiser pode ver o original aqui (em inglês): http://www.cracked.com/article_17476_7-man-made-substances-that-laugh-in-face-physics.html

Para quem não entende inglês, eu vou postar uma versão traduzida e resumida (e por resumida eu quero dizer que tirei as frases que tinham muito besteirol):

O universo é cheio de substâncias estranhas como metal líquido e seja lá qual for o conservante que mantém Larry King vivo. Mas a humanidade não está feliz em aceitar a estranheza da natureza quando podemos criar as nossas próprias abominações da ciência que, devido ao milagre da tecnologia, cospem na cara da natureza e a chamam de retardada.
É por isso que criamos…
  • FERROFLUIDOS

O que você tem quando você suspende nanopartículas de ferro composto em uma solução coloidal de água, óleo e um surfactante? A verdadeira resposta é ferrofluidos, porém você deve estar orgulhoso se você sabia o que “surfactante” significa (eu não sei nem se essa é a tradução certa).

Um ferrofluido é um líquido que reage a campos magnéticos em maneiras complicadas que fazem você pensar que a ciência é tanto mágica quanto potencialmente má. Eles têm múltiplas aplicações no mundo real, muitas das quais são muito incríveis, e nenhuma com que você vá se importar após ver isso:

Reformulação de Posts

Gente, queria pedir desculpas a todos, por deixar o blog tão lento postando tantos vídeos. Eu não tinha reparado que estava assim, porque sendo criador do blog as páginas carregam mais rápido para mim (pelo menos é o que parece). Então, a partir de agora, quando eu for postar uma série de vídeos sobre um determinado tema, a estrutura vai ser assim:

  • Eu falo sobre o assunto;
  • Posto um ou dois vídeos de exemplo;
  • E coloco os links para os outros vídeos;

Eu já estou providenciando essa mudança nos últimos três posts de vídeos de humor. Então fiquem calmos, pois o blog poderá voltar a rodar normalmente nos seus PCs. Até!

Um estranho é um amigo que ainda não conhecemos. – Luther Powell

A frase acima deixa o assunto deste post bem auto-explicativo: amigos. Bem, eu gostaria de reservar esse post para falar de três colegas do CTIG (ou COTEC), e também três grandes amigos:

  • Bruno Gabriel Silva dos Santos: Caramba, ESSE é um cara sociável. É verdade que ele é meio preguiçoso às vezes, mas quem não é? Ele pode ser um pouco irritado de vez em quando, mas eu posso garantir: esse cara já fez muitos amigos, e vai fazer mais ainda. Pra qualquer lugar que ele for, vai fazer novas amizades, e isso com certeza vai não só alavancar sua carreira profissional, como vai fazer dele uma pessoa melhor.
  • Douglas Imoto Sato: Esse cara é um GÊNIO. Não se deixe enganar pelo seu jeito atrapalhado, o que quer que esse cara decidir fazer da vida, ele vai fazer, e vai ser o máximo nisso. É extremamente esforçado, e tem um raciocínio que eu só vi em poucos. É verdade que às vezes é um pouco imprevisível, mas isso o torna mais legal e interessante. É também um ótimo cara com quem conversar.
  • Willian Daniel Máximo Rosa: Cara, se eu pudesse escolher alguém pra ser Presidente do Mundo, seria ESSE cara. Ele tem uma mente político-econômica brilhante, que eu nunca vi em nenhuma outra pessoa, e se preocupa com o Meio Ambiente como pouquíssimos. É praticamente o Al Gore em forma de adolescente (e é um grande fã do próprio). Tenho a forte sensação que ele ainda vai fazer algo que vai ter um grande impacto mundial, sem dúvida pra melhor.

Bem, vou ficando por aqui, mas antes, os links para homenagear o quarteto fantástico:

Bruno Gabriel Silva dos Santos

Diego Lombo  Machado

Douglas Imoto Sato

Willian Daniel Máximo Rosa

Até mais, colegas!!

Um Esquerdista Libertário

Meus amigos Yuri e Lucas Dutra (eu vou falar muito deles aqui) me passaram um site com um teste para você descobrir sua orientação política, aqui está meu resultado:

orientacao_politica

De acordo com o site, a pessoa famosa que se parece mais comigo é o Dalai Lama (não, não aparece isso simplesmente depois que você termina o teste, você tem que comparar o seu gráfico com o dos grandes líderes que aparecem no site, e decobrir no olhômetro com qual o seu mais parece).

Curiosamente, tirando o Klaus (irmão do Yuri), todos que fizeram o teste acabaram sendo da esquerda libertária. O Klaus é da esquerda autoritária, e eu sou o mais libertário de todos. Não sei se isso é uma coisa boa, ou até mesmo se é verdade, porque eu nunca fui totalmente a favor do anarquismo (ele é bonito no papel, mas na vida real é um desastre):

Para quem quiser fazer o teste (é em inglês): http://www.politicalcompass.org/test

Criar é dar forma ao próprio destino. – Albert Camus

Olá para todos. Meu nome é Diego Lombo Machado, e essa é a primeira vez que eu resolvo fazer um blog sozinho, e também a primeira vez que pretendo levar essa idéia adiante. Por enquanto, não há nada em especial a dizer sobre mim, especialmente porque:

     a) Eu ainda não decidi se vou focar o assunto desse blog em algo específico, ou se só será um diário online;

     b) Este é um post de inaugração, o que significa que nada em especial precisa ser colocado nele; e

     c) Estou sem tempo para criar um primeiro post mais elaborado.

Mas não se preocupem, pois falarei mais sobre mim nos posts que virão. Até!

%d blogueiros gostam disto: