Arquivos do Blog

A Outra Lista: Top 11 Games de 2013

Agora que eu já ganhei a atenção do público com a minha lista de uma mídia que já é amplamente respeitada há anos, é hora de fazer a minha lista sobre uma mídia que os céticos precisam aprender a engolir o orgulho e admitir de uma vez por todas que tem tanto potencial para a arte quanto qualquer outra.

2013 não foi um ano muito bom para os jogos de grandes produtoras, mas assim como 2012, houve um boom na quantidade de jogos indies, o que é mais um indicativo para o meu argumento e um bom sinal de que o mercado está ficando mais variado, com pessoas que têm ideias diferentes e originais conseguindo o acesso às ferramentas para conseguir levar esses projetos para a frente, sem precisar de um orçamento de 300 milhões de dólares ou seja lá quanto for que custa cada Call of Duty. Leia o resto deste post

Anúncios

Projeto Icarus – Bioshock Infinite

É interessante como você pode se tornar algo que sempre se detestou se não tomar cuidado. Me deixe te explicar o conceito de um fanboy: fanboys idolatram um livro/filme/jogo/etc a um ponto extremo, mas chegam a levar isso a um patamar doentio. E não existe nada pior do que escutar um fanboy na hora de fazer uma continuação para a sua obra. Fanboys são idiotas que colocam a obra em um pedestal, e nunca, NUNCA vão ficar felizes com nenhuma alteração que você faça. Eles querem segurar a obra e fazer carinho dar banho e impedir que ela seja machucada por esse mundo feio e malvado. O quanto antes você calar a boca deles, mais feliz você ficará.

Do que eu estava falando? Ah sim, o novo Bioshock.

A produtora Irrational Games, que nunca consegue decidir o próprio nome direito, anunciou há algum tempo sobre o Projeto Icarus, o nome em código para o novo game que eles estavam desenvolvendo. Agora, foi revelado que esse jogo é na verdade um terceiro Bioshock, Bioshock Infinite, que dessa vez não se passa na cidade submersa de Rapture, mas sim na cidade voadora de Columbia. Leia o resto deste post

%d blogueiros gostam disto: